quarta-feira, 20 de abril de 2011

PRESTE BEM ATENÇÃO! "QUEM É QUE MANDA NO HMAD?"

Caros amigos leitores deste blog, para que possam entender o título desta notícia, vamos relatar brevemente o que anda acontecendo com os Guardas Municipais que atuam no hospital de Bom Conselho, no dia 24 de março, aconteceu uma reunião com membros da Diretoria da AGMBC-PE, a Secretária de Saúde do Município e a Diretora do Hospital, onde ficaram determinadas algumas mudanças, que deveriam, a princípio, melhorar a questão da segurança e o próprio atendimento da população naquele setor, dentre as mudanças, ficou acertado que os dois guardas noturnos ficariam juntos, na emergência hospitalar, percorrendo o setor e dando suporte a maternidade, quando solicitados; foi acertado ainda, que os servidores continuariam auxiliando no serviço de triagem e recepção noturna, telefone, maqueiro, entre tantos outros, desde que  a administração municipal, retornasse o pagamento de gratificação (quarenta horas complementares) pelo exercicio destas atribuições, até a implantação total da Guarda Municipal. Nós cumprimos a nossa parte, já a prefeitura... o que você acha? mais uma vez deixou de cumprir com o que prometeu, e ainda tem mais, você acha que a importância de R$ 136,25 para a prefeitura é muita coisa? vamos responder na bucha, não, mas para um servidor assalariado faz muita diferença, só que a história não acaba aqui. como em um jogo de futebol, nos quarenta e cinco do segundo tempo, soubemos que após uma reunião paralela com uma vereadora e uma médica, depois de ouvir parteiras solitárias, foi desfeito o acordo e um dos guardas teve que voltar para a maternidade, deixando descoberto o setor mais crítico do complexo hospitalar, que é a emergência. Soubemos ainda que a referida vereadora anda reclamando que os "servidores da segurança" não sabem manusear o gerador de energia do hospital, afinal de contas, somos guardas ou eletricistas? auxilares de manutenção? é preciso deixar claro que o acordo que foi firmado na reunião acima citada, foi com as duas representantes administrativas da saúde municipal, como é que agora vem uma vereadora e uma médica vem dar as ordens no setor... mais uma vez nos perguntamos, quem é que manda afinal? a vereadora-enfermeira? a médica-ditadora? a Secretária de direito ou a Diretora de fato? fica a pargunta, nos parece  que falta um bobo nessa côrte, e querem insistentemente dar a vaga pro guarda...

Nenhum comentário:

Postar um comentário